Scielo RSS <![CDATA[Revista Pan-Amazônica de Saúde]]> http://scielo.iec.gov.br/rss.php?pid=2176-622320170004&lang=pt vol. 8 num. 4 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://scielo.iec.gov.br/img/en/fbpelogp.gif http://scielo.iec.gov.br <![CDATA[Divulgação científica: responsabilidade e importância]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400007&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[Descrição de novas espécies de bactérias: o gênero <em>Mycobacterium</em> como exemplo]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400009&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[Epidemiologia molecular da tuberculose no Brasil: uma perspectiva da pesquisa translacional]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400011&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[Contribuições para o desenho de estudos epidemiológicos sobre poluição por mercúrio na Amazônia]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400015&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA["De olho no que pisa": os perigos da contaminação do solo]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400019&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[Epigenômica, epigenética e câncer]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400023&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[Soroprevalência das infecções pelos vírus das hepatites B e C e situação vacinal para o vírus da hepatite B em servidores da Polícia Rodoviária Federal, estado do Pará, Brasil, 2013-2014]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400027&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO OBJETIVO: Avaliar a soroprevalência das infecções pelos vírus das hepatites B (VHB) e C (VHC) e a resposta imune para o VHB em servidores da Polícia Rodoviária Federal do estado do Pará, Brasil. MATERIAIS E MÉTODOS: Estudo descritivo exploratório quantitativo, enfocando a vigilância em saúde do trabalhador, desenvolvido entre novembro de 2013 e dezembro de 2014, com 221 servidores, entre policiais e auxiliares administrativos. Os participantes foram submetidos à coleta de sangue para realização dos testes sorológicos HBsAg, anti-HBc, anti-HBs e anti-VHC, por técnicas imunoenzimáticas. RESULTADOS: Dos servidores examinados, houve frequência de 90,0% para o sexo masculino, prevalecendo a faixa etária de 41 a 50 anos (33,5%). Constatou-se a ausência de indivíduos reagentes para HBsAg e anti-VHC, prevalência de 8,1% para anti-HBc+/anti-HBs+, de 9,5% para anti-HBc+ isolado e de 42,1% para anti-HBs+ isolado. CONCLUSÃO: A detecção de marcadores de infecção pregressa do VHB na amostra indicou a circulação do vírus, e o elevado número de suscetíveis encontrado pode proporcionar o surgimento de novos infectados e/ou portadores do VHB. A ausência de circulação do VHC entre esses trabalhadores sugere que ações de prevenção e promoção à saúde devem ser desenvolvidas para o controle da infecção nessa população.<hr/>ABSTRACT OBJECTIVE: To evaluate the seroprevalence of hepatitis B (HBV) and C (HCV) infections and the immune response to HBV in Federal Highway Police workers from Pará State, Brazil. MATERIALS AND METHODS: Descriptive exploratory quantitative study focusing on worker health surveillance, conducted from November 2013 to December 2014, including 221 employees, policemen and administrative assistants. Blood samples were collected from the participants for HBsAg, anti-HBc, anti-HBs and anti-HCV serological tests by immunoenzymatic techniques. RESULTS: Of the examined workers, the higher frequency for sex was male (90.0%) and age prevalence was 41-50 years (33.5%). It was not found individuals reactive for HBsAg and anti-HCV. The study showed prevalence of 8.1% for anti-HBc+/anti-HBs+, 9.5% for isolated anti-HBc+, and 42.1% for isolated anti-HBs+. CONCLUSION: The detection of markers of past HBV infection in the samples indicated the circulation of this virus, and the high number of susceptible individuals found may lead to the emergence of new HBV infected individuals and/or carriers. The absence of HCV circulation among those workers suggests that prevention and health promotion actions should be developed to control the infection in this population. <![CDATA[Aspectos epidemiológicos das enteroinfecções bacterianas em menores de 5 anos de idade em Rio Branco, estado do Acre, Brasil]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400035&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO OBJETIVO: Investigar a ocorrência de enteropatógenos bacterianos na etiologia da doença diarreica aguda (DDA), associando variáveis clínico-epidemiológicas, em menores de 5 anos de idade, atendidos em unidades de saúde do município de Rio Branco, estado do Acre, Brasil, em 2012. MATERIAIS E MÉTODOS: O estudo envolveu a análise de dados obtidos das fichas clínico-epidemiológicas de 502 crianças, sendo 272 casos de DDA e 230 controles. A frequência de cada enteropatógeno pesquisado e a associação desses agentes com as condições socioeconômicas das crianças foram verificadas por meio dos testes qui-quadrado e teste exato de Fisher, adotando-se um nível de significância de 0,05 (5%) e utilizando-se o programa BioEstat v5.0. RESULTADOS: As bactérias mais frequentes em ambos os grupos foram Escherichia coli diarreiogênicas (80,2%), Campylobacter jejuni e Campylobacter coli (9,0%), Shigella spp. (5,6%) e Salmonella spp. (4,0%). Houve associação significativa entre a ocorrência de E. coli e a presença de DDA (p &lt; 0,001). A distribuição temporal das E. coli diarreiogênicas foi maior nos meses de novembro e dezembro (período chuvoso). A associação entre a renda familiar e o grupo clínico foi estatisticamente significativa (p &lt; 0,00051). Quanto às condições de habitação, foi observado maior risco quando a frequência da coleta de lixo era irregular. Constatou-se que o risco da criança desenvolver DDA era maior quando a mãe tinha entre 14 e 19 anos de idade. CONCLUSÃO: Verificou-se que os casos de DDA em menores de 5 anos de idade, em Rio Branco, estavam relacionados à circulação de enteropatógenos bacterianos, em especial a E. coli diarreiogênica.<hr/>ABSTRACT OBJECTIVE: To investigate the occurrence of bacterial enteric pathogens in the etiology of acute diarrheal disease (ADD) in association with clinical and epidemiological aspects in children under 5 years old attended in healthcare units in Rio Branco, Acre State, Brazil, in 2012. MATERIALS AND METHODS: The study analyzed data obtained from clinical and epidemiological records of 502 children, 272 ADD cases and 230 controls. The frequency of each enteropathogen and the association with the socioeconomic conditions of the children were verified using chi-square test and Fisher’s exact test, with a significance level of 0.05 (5%), and BioEstat v5.0 software. RESULTS: The most frequent bacteria in both groups were diarrheagenic Escherichia coli (80.2%), Campylobacter jejuni and Campylobacter coli (9.0%), Shigella spp. (5.6%), and Salmonella spp. (4.0%). There was a significant correlation between the occurrence of E. coli and ADD (p &lt; 0.001). The temporal distribution of diarrheagenic E. coli was higher in November and December (rainy season). The correlation between family income and the clinical group was statistically significant (p &lt; 0.00051). Regarding housing conditions, a higher risk was observed when the frequency of garbage collection was irregular. The risk of the child developing ADD was greater when mothers were between 14 and 19 years of age. CONCLUSION: It was verified that cases of ADD in children under 5 years old in Rio Branco were related to the circulation of bacterial enteric pathogens, especially diarrheagenic E. coli. <![CDATA[Ocorrência de <em>Schistosoma mansoni</em> no município de São Bento, Baixada Ocidental Maranhense, estado do Maranhão, Brasil]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400045&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO OBJETIVO: Verificar se existe relação entre a positividade para Schistosoma mansoni em moluscos Biomphalaria sp. e em humanos, em bairros do município de São Bento, estado do Maranhão, Brasil, a fim de determinar se a presença de um hospedeiro exerce influência sobre o outro. MATERIAIS E MÉTODOS: Moluscos Biomphalaria sp. foram coletados, em 17 bairros do Município, em seus criadouros naturais e analisados em laboratório quanto à eliminação de cercárias. Coletores universais foram entregues aos habitantes residentes em um raio de 50 m, próximo aos criadouros naturais de moluscos, para a aquisição de amostras de fezes humanas, que foram analisadas pelo método de diagnóstico Kato-Katz. RESULTADOS: A positividade em humanos, nos bairros Outra Banda, Porto Grande e Matriz, não esteve relacionada com a dos moluscos. Os casos de indivíduos positivos ocorreram em pescadores do sexo masculino. CONCLUSÃO: Um criadouro peridomiciliar nem sempre será o responsável pela existência de casos de humanos positivos residentes em sua proximidade, sendo necessário levar em consideração a rotina das pessoas infectadas.<hr/>ABSTRACT OBJECTIVE: To verify whether there is a relation between the positivity for Schistosoma mansoni in molluscs Biomphalaria sp. and in human, in the municipality of São Bento, Maranhão State, Brazil, in order to determine if the presence of one host exerts influence over the other. MATERIALS AND METHODS: Molluscs Biomphalaria sp. were collected in 17 districts of São Bento, in their natural breeding sites. Inside laboratory, those molluscs were analyzed regarding cercariae release. Universal collectors were delivered to the inhabitants living within 50 m radius near the natural mollusc breeding sites. The Kato-Katz method was used to analyze the faecal samples. RESULTS: Positive human cases occurred among fishermen from Outra Banda, Porto Grande, and Matriz districts and were not related to those in molluscs. CONCLUSION: A peridomiciliar breeding site can not always be responsible for the maintenance of positive humans cases living nearby, being necessary to take into account the routine of the infected individual. <![CDATA[Prevalência e diversidade molecular de adenovírus em crianças com gastroenterite aguda grave, em Belém, estado do Pará, antes e após a introdução da vacina contra rotavírus no Brasil]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400053&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO OBJETIVOS: Detectar a presença e definir os tipos de adenovírus humanos (HAdV) em indivíduos menores de 3 anos de idade, participantes de dois projetos de pesquisa sobre gastroenterites virais, realizados em Belém, estado do Pará, Brasil: o primeiro, um estudo de vigilância hospitalar e ambulatorial, pré-vacinação contra rotavírus (RV), realizado pelo Instituto Evandro Chagas no período de março a setembro de 2003; e o segundo, o projeto "Rotavírus Caso-Controle", pós-vacinação, com crianças hospitalizadas apresentando quadro de gastroenterite aguda no período de maio de 2008 a abril de 2009. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram testadas amostras fecais de 1.160 crianças, utilizando-se as técnicas de ensaio imunoenzimático e imunocromatografia para triagem, a reação em cadeia da polimerase e sequenciamento de nucleotídeos para tipagem e identificação molecular. RESULTADOS: Os HAdV foram encontrados em 7,2% (84/1.160) das amostras e os adenovírus entéricos em 5,0% (58/1.160), equivalendo a 69,0% (58/84) dos casos positivos. Desses, 3,3% (25/760) eram do estudo pré-vacinação contra RV e 8,2% (33/400) do pós-vacinação. A reação de sequenciamento caracterizou a espécie F como a mais prevalente na região, equivalendo a 70,0% (21/30), com o tipo 41 encontrado em 85,7% (18/21) dos casos positivos. CONCLUSÃO: Esses resultados evidenciaram a circulação de HAdV entre a população infantil de Belém, demonstrando a sua importância como causa de gastroenterite com ou sem hospitalização, tanto antes como após a introdução da vacina contra RV na rede pública de saúde no Brasil.<hr/>ABSTRACT OBJECTIVES: To detect the presence and to define the human adenovirus (HAdV) types from individuals under 3 years old in two research projects on viral gastroenteritis in Belém, Pará State, Brazil: the first, an inpatient and outpatient surveillance study on rotavirus (RV) pre-vaccination performed by Instituto Evandro Chagas from March to September 2003; and the second, from the "Rotavirus Case-Control" (post vaccination) study, carried out from May 2008 to April 2009, with hospitalized children due to acute gastroenteritis. MATERIALS AND METHODS: Faecal samples were tested from 1,160 children using immunoenzymatic assay and immunochromatography techniques for screening, polymerase chain reaction and nucleotide sequencing for typing and molecular identification. RESULTS: HAdV were found in 7.2% (84/1,160) of the samples, and enteric adenoviruses in 5.0% (58/1,160), equivalent to 69.0% (58/84) of the positive cases. Of these, 3.3% (25/760) were from the RV pre-vaccination study and 8.2% (33/400) from the post-vaccination. The sequencing reaction characterized the F specie as the most prevalent in the region, equivalent to 70.0% (21/30), with the type 41 in 85.7% (18/21) of the positive cases. CONCLUSION: These results showed HAdV circulation among the infant population in Belém, demonstrating its importance as gastroenteritis agent either hospitalized or not, both before and after the RV vaccine introduction on the Brazilian public health network. <![CDATA[Validação da versão saúde bucal do Instrumento de Diagnóstico do Estágio de Desenvolvimento da Rede de Atenção à Saúde]]> http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232017000400065&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt RESUMO OBJETIVO: Validar a versão saúde bucal do Instrumento de Diagnóstico do Estágio de Desenvolvimento da Rede de Atenção à Saúde. MATERIAIS E MÉTODOS: A amostra foi composta pelos coordenadores de saúde bucal de 154 municípios do estado de Minas Gerais, Brasil, escolhidos por conveniência. A versão saúde bucal do Instrumento passou previamente pela etapa de adaptação e, em seguida, foram conduzidas as fases de teste de campo e o estudo das propriedades psicométricas do Instrumento (confiabilidade e validade). Os questionários foram enviados aos coordenadores por e-mail. RESULTADOS: A consistência interna mostrou índices adequados para o escore total (coeficiente alfa de Cronbach = 0,97) e domínios (coeficiente alfa de Cronbach = 0,77-0,94). O teste-reteste teve boa estabilidade, conforme a análise do escore total (coeficiente de correlação intraclasse - CCI = 0,88) e domínios (CCI = 0,83-0,91). A mensuração das concordâncias dos itens demonstrou validade de constructo, variando de regular à quase perfeita (r s entre 0,25 e 0,81). Para a validade discriminante, o escore total e os domínios "População", "Sistemas logísticos" e "Sistema de governança da rede" distinguiram os grupos conforme o tempo de formado (p ≤ 0,05). CONCLUSÃO: A versão saúde bucal do Instrumento mostrou propriedades psicométricas adequadas quanto à confiabilidade e à validade do constructo e discriminante.<hr/>ABSTRACT OBJECTIVE: To validate the oral health version of the Instrument for Diagnosis of the Developmental Stage of the Healthcare Network. MATERIALS AND METHODS: The sample was comprised of the oral health coordinators from 154 municipalities in Minas Gerais State, Brazil, chosen for convenience. The oral health version of the Instrument was previously submitted to the adaptation stage, and then the field test phases and the study of the psychometric properties of the Instrument (reliability and validity) were conducted. Questionnaires were sent to the coordinators by email. RESULTS: Internal consistency for the total score (Cronbach's alpha coefficient = 0.97) and domains (Cronbach's alpha coefficient = 0.77-0.94) was demonstrated. Test-retest reported good stability based on the analysis of the total score (intraclass correlation coefficient - ICC = 0.88) and domains (ICC = 0.83-0.91). Percentage agreement of the items showed construct validation, varying from regular to almost perfect (r s between 0.25 and 0.81). For discriminant validity, total score and three domains, Population, Logistical systems and Network Governance System distinguished the groups according to the time of formation (p ≤ 0.05). CONCLUSION: The oral health version of the Instrument showed adequate psychometric properties regarding the reliability and validity of the construct and discriminant.