SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 número2Avaliação da implantação do Sistema de Controle, Acompanhamento e Avaliação de Resultados (Sistema e-Car) na Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde do Brasil, no período de 2012 - 2015Núcleo de Apoio à Saúde da Família: promoção da saúde, atividade física e doenças crônicas no Brasil - inquérito nacional PMAQ 2013 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

  • Não possue artigos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Epidemiologia e Serviços de Saúde

versão impressa ISSN 1679-4974versão On-line ISSN 2337-9622

Resumo

SILVA, Jorge Luiz da et al. Prevalência da prática de bullying referida por estudantes brasileiros: dados da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar, 2015. Epidemiol. Serv. Saúde [online]. 2019, vol.28, n.2, e2018178.  Epub 27-Jun-2019. ISSN 1679-4974.  http://dx.doi.org/10.5123/s1679-49742019000200005.

Objetivo:

identificar a prática de bullying referida por estudantes brasileiros, segundo o sexo, a idade e a localização geográfica.

Métodos:

estudo transversal, estruturado em duas amostras nacionais da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE) de 2015; participaram do estudo 102.301 estudantes, amostra nacionalmente representativa; a coleta de dados ocorreu mediante questionário autoaplicável.

Resultados:

a prevalência de prática de bullying foi de 19,8% (IC95% - 19,2;20,3), com maior ocorrência na região Sudeste do país (22,2% - IC95% 21,1;23,4) e no estado de São Paulo (24,2% - IC95% 22,3;26,2), embora a cidade com maior prevalência tenha sido Boa Vista (25,5% - IC95% 22,9;28,1), capital do estado de Roraima; meninos (24,2% - IC95% 23,4;25,0) praticaram mais bullying que meninas (15,6% - IC95% 14,9;16,2), assim como os estudantes mais jovens, de 13 a 15 anos (22,0% - IC95% 20,4;23,6).

Conclusão:

observou-se maior prática referida de bullying por adolescentes da região Sudeste, indivíduos do sexo masculino, e entre os mais jovens.

Palavras-chave : Bullying; Serviços de Saúde Escolar; Saúde do Adolescente; Estudos Transversais.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )