SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 número2Paquete csapAIH: la Lista Brasileña de Condiciones Sensibles a la Atención Primaria en el programa R índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

  • No hay articulos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Epidemiologia e Serviços de Saúde

versión impresa ISSN 1679-4974versión On-line ISSN 2337-9622

Resumen

SAMPAIO, Gilmara de Souza et al. Expansão da circulação do vírus Zika da África à América, 1947-2018: revisão da literatura. Epidemiol. Serv. Saúde [online]. 2019, vol.28, n.2, e2018411.  Epub 22-Ago-2019. ISSN 1679-4974.  http://dx.doi.org/10.5123/s1679-49742019000200022.

Objetivo:

descrever as expansões temporal e geográfica da circulação do vírus Zika (ZIKV) em países e territórios, desde seu isolamento até 2018.

Métodos:

revisão não sistemática da literatura do período entre 1947 e 2018, utilizando a base MEDLINE e estimativas da Organização Mundial da Saúde.

Resultados:

desde seu isolamento em 1947, a circulação do ZIKV expandiu-se pela África, Ásia e Pacífico, até chegar à América em 2013, causando manifestações clínicas graves; as maiores soroprevalências foram registradas na ilha de Yap (74%) e no Brasil (63%); mutações genéticas, a ausência de imunidade e a alta susceptibilidade dos vetores podem ter influenciado sua transmissibilidade e ajudam a explicar a magnitude de sua expansão.

Conclusão:

a expansão da circulação do ZIKV nas Américas foi a mais ampla já registrada, possivelmente resultado de características populacionais e geográficas dos locais por onde o vírus circulou.

Palabras clave : Zika virus; Flavivírus; Epidemiologia; Epidemias; Anormalidades Congênitas; Literatura de Revisão como Assunto.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Portugués | Inglés     · Inglés ( pdf ) | Portugués ( pdf )