SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.6 número2Composição nutricional de dieta enteral artesanal a partir de alimentos convencionais do Município de Coari, Estado do Amazonas, BrasilInfecções bacterianas primárias da pele: perfil dos casos atendidos em um serviço de dermatologia na Região Amazônica, Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

  • Não possue artigos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Pan-Amazônica de Saúde

versão impressa ISSN 2176-6223versão On-line ISSN 2176-6223

Resumo

REBIERE, Carolina. Identificação molecular e fenotípica de bactérias de solo rizosférico com tolerância ao fungicida Mancozeb, em Manaus, Estado do Amazonas, Brasil. Rev Pan-Amaz Saude [online]. 2015, vol.6, n.2, pp.37-43. ISSN 2176-6223.

A utilização de fungicidas na agricultura tem se intensificado, causando grande impacto nos solos e na biota em que eles se encontram. A presença desses compostos no solo vem acarretando modificações no comportamento dos microrganismos, que passaram a adquirir estratégias de sobrevivência à presença desses produtos. O Mancozeb é um fungicida do grupo dos carbamatos, cuja ação pelo contato inativa as enzimas essenciais dos fungos. Os objetivos deste trabalho foram: isolar bactérias de solo; caracterizar os isolados com ensaios bioquímicos e ferramentas moleculares; obter o crescimento dos isolados em meio mínimo acrescido do fungicida; e estabelecer uma coleção de bactérias com potencial de biorremediação. As bactérias foram isoladas a partir de técnicas de isolamento em dois meios de cultura diferentes: meio mínimo e meio Bushneel Haas acrescidos de 3,6 gL-1 de Mancozeb. Realizou-se a identificação por meio da caracterização fenotípica, utilizando-se de ensaios bioquímicos para determinar o gênero e identificação molecular pelo emprego do sequenciamento da região 16S, com os iniciadores 1492R, 513F, os quais amplificam 1.000 pares de base. Os 11 isolados de bactérias foram identificados em quatro famílias, quatro gêneros e 11 espécies. A família Bacillaceae foi a mais representativa, com 81,81% dos isolados. Esses ensaios permitiram verificar a tolerância das bactérias isoladas em concentrações superiores às usadas em campo para o controle de pragas. A coleção de microrganismos decorrentes da realização dessa pesquisa poderá servir para estudos futuros envolvendo a biodegradação de xenobióticos.

Palavras-chave : Fungicida Industrial; Microbiologia do Solo; RNA Ribossômico 16S; Técnicas de Tipagem Bacteriana.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )