SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.6 número2Biossegurança em transporte de material biológico no âmbito nacional: um guia breve índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

  • Não possue artigos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Pan-Amazônica de Saúde

versão On-line ISSN 2176-6223

Resumo

MEDEIROS, Jansen Fernandes; PESSOA, Felipe Arley Costa; RODRIGUES, Moreno Souza  e  MARTINS, Marilaine. Retrato epidemiológico da infecção por mansonelose em comunidades ribeirinhas da Amazônia em dois municípios contíguos do rio Solimões, Estado do Amazonas, Brasil. Rev Pan-Amaz Saude [online]. 2015, vol.6, n.2, pp.83-87. ISSN 2176-6223.

Este estudo foi realizado com objetivo de atualizar a prevalência de Mansonella ozzardi em Codajás e relatar novas informações sobre a filaria encontrada nas comunidades ribeirinhas de Coari, Estado do Amazonas, Brasil. As prevalências (diagnóstico de gota espessa) da infecção foram de 9,4% e 22,0% em Codajás e Coari, respectivamente. Os homens (17,1%) apresentaram maiores prevalências do que as mulheres (11,2%) (ANOVA χ2 = -4,93, p = 0,02). Essas prevalências aumentaram significativamente com a idade (ANOVA χ2 = -11,51, p < 0,001) e em determinadas ocupações como os agricultores/pescadores (29,2%) e aposentados (27,6%). Os Municípios do rio Solimões têm atraído um grande número de trabalhadores migrantes, devido à exploração de petróleo e gás e isso pode facilitar a disseminação da filariose para outras áreas não endêmicas.

Palavras-chave : Mansonelose; Mansonella; Perfil Epidemiológico.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )