SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.7 númeroESPNested PCR utilizando a gota espessa como fonte do DNA de Plasmodium: uma alternativa para análise de coleções de lâminas de sangue arquivadasAspectos ecológicos da fauna de flebotomíneos em focos de leishmaniose na Amazônia Oriental, Estado do Pará, Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

  • Não possue artigos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Pan-Amazônica de Saúde

versão On-line ISSN 2176-6223

Resumo

LADISLAU, José Lázaro de Brito et al. O controle da malária, em área de construção de hidrelétricas no ecossistema amazônico, pode ter êxito?. Rev Pan-Amaz Saude [online]. 2016, vol.7, n.esp, pp.115-122. ISSN 2176-6223.  http://dx.doi.org/10.5123/s2176-62232016000500013.

A malária permanece como um dos mais importantes problemas de saúde pública no Brasil. A construção de grandes represas gera benefícios sociais e econômicos e promove a qualidade de vida da população; entretanto, cria um grande impacto ambiental que pode afetar a saúde humana. Este estudo visou à prevenção de impactos ambientais negativos e ao aumento dos impactos positivos na área de influência da usina hidrelétrica em Belo Monte, Estado do Pará, Brasil. Este estudo ecológico foi elaborado a fim de avaliar a estrutura e procedimentos para o controle da malária em cinco municípios localizados na área de influência direta de construção da hidrelétrica: Altamira, Anapu, Brasil Novo, Senador José Porfírio e Vitória do Xingu. Diagnóstico e tratamento precoces e o uso de mosquiteiros impregnados por pesticidas de longa ação foram as principais medidas aplicadas em uma estratégia de cuidados integrados. A incidência de malária avaliada nesses municípios caiu de 6.275 casos em 2011 para 79 em 2015, e nenhum caso de malária causada por Plasmodium falciparum foi relatado em qualquer um deles desde abril de 2014. As medidas e a estratégia aplicadas foram bastante eficazes no controle da malária. Uma melhor gestão pública juntamente com a garantia de suporte financeiro foram fundamentais para alcançar o objetivo planejado.

Palavras-chave : Controle de Malária; Central Hidrelétrica; Ecossistema Amazônico.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )