SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.8 issue2Risk factors in household contacts of leprosy patients using clinical, sociodemographic, and laboratorial variablesImpact evaluation of the actions of the Schistosomiasis Control Program on the control of geohelmintoses in São João Evangelista, Minas Gerais, Brazil, between 1997 and 2013 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

  • Have no cited articlesCited by SciELO

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Revista Pan-Amazônica de Saúde

Print version ISSN 2176-6223On-line version ISSN 2176-6223

Abstract

NUNES, Heloisa Marceliano et al. As hepatites virais: aspectos epidemiológicos, clínicos e de prevenção em municípios da Microrregião de Parauapebas, sudeste do estado do Pará, Brasil. Rev Pan-Amaz Saude [online]. 2017, vol.8, n.2, pp.29-35. ISSN 2176-6223.  http://dx.doi.org/10.5123/s2176-62232017000200004.

INTRODUÇÃO:

Curionópolis e Canaã dos Carajás são municípios localizados a sudeste do estado do Pará, Brasil, estando submetidos a grande fluxo migratório, pela influência de áreas de garimpo e pela implantação de grandes projetos de mineração, o que impõe a necessidade de se conhecer, na região, os padrões epidemiológicos de doenças endêmicas, como as hepatites virais.

OBJETIVOS:

Definir a frequência das infecções pelos vírus das hepatites A (VHA), B (VHB), C (VHC) e D (VHD) em amostras de soro de indivíduos procedentes de municípios da Microrregião de Parauapebas.

MATERIAIS E MÉTODOS:

Realizou-se estudo descritivo quantitativo, entre agosto de 2012 e setembro de 2014, utilizando dados coletados, de forma aleatória, de indivíduos dos municípios de Canaã dos Carajás e Curionópolis. Foram coletadas amostras de sangue para exames sorológicos das hepatites virais A, B, C e D, por técnica imunoenzimática.

RESULTADOS:

Em Canaã dos Carajás, entre as 825 amostras, houve prevalência de 76,4% para anti-VHA; 0,2% eram HBsAg+; foi detectada prevalência de 0,1% anti-VHC; sendo que o anti-HD das amostras HBsAg+ foi negativo. Em Curionópolis, entre as 376 amostras de soro, a prevalência de anti-VHA foi de 84,8%; 0,5% apresentaram HBsAg+; houve prevalência de anti-VHC de 0,5%; e nenhuma amostra foi positiva para anti-HD.

CONCLUSÃO:

Concluiu-se, laboratorialmente, que Curionópolis apresentou endemicidade elevada para o VHA e o VHB, e baixa para o VHC; Canaã dos Carajás apresentou endemicidade elevada para o VHA, intermediária para o VHB e baixa para o VHC. O VHD não foi encontrado nessas populações.

Keywords : Hepatite A; Hepatite B; Hepatite C; Hepatite D.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )