SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10Prevalência de larvas migrans em solos de parques públicos da cidade de Redenção, estado do Pará, Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

  • Não possue artigos citadosCitado por SciELO

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Pan-Amazônica de Saúde

versão On-line ISSN 2176-6223

Resumo

FARIAS, Aline Danielle Santa Cruz de et al. Pesquisa entomológica das espécies de triatomíneos encontradas na zona rural do município de Caruaru, estado de Pernambuco, Brasil, de 2011 a 2012. Rev Pan-Amaz Saude [online]. 2019, vol.10, e201901593.  Epub 07-Jun-2019. ISSN 2176-6223.  http://dx.doi.org/10.5123/s2176-6223201901593.

OBJETIVO:

Descrever a presença de triatomíneos na área rural do município de Caruaru, estado de Pernambuco, Brasil, durante os anos de 2011 e 2012, apontando áreas de risco para a doença de Chagas, com base nos registros das principais espécies de triatomíneos.

MATERIAIS E MÉTODOS:

Os dados sobre os triatomíneos, obtidos no banco de dados do Departamento de Controle de Vetores de Caruaru, foram: número de residências, presença de anexos nas casas, número de habitantes, tipo de moradia, presença de exemplares de triatomíneos, espécies identificadas e localização das moradias.

RESULTADOS:

Do total de 888 casas estudadas, 85,4% (758) eram construções de alvenaria com reboco, todas cobertas com teto de telhas, a maioria (34,1%; 303) tinha apenas um anexo e eram habitadas por 2.236 pessoas. Nas 75 (8,4%) casas onde foram encontrados triatomíneos (41 com anexos e 34 sem anexos), distribuídas em 32 localidades da zona rural de Caruaru, havia 211 (9,4%) habitantes. As espécies mais comuns encontradas nas residências foram Triatoma brasiliensis (26,8%), Panstrongylus lutzi (26,8%) e Triatoma pseudomaculata (12,2%).

CONCLUSÃO:

A alteração na distribuição das espécies, na área de estudo, demonstrou a adaptabilidade desses vetores à ação antrópica, reforçando a necessidade da elaboração de políticas educativas e do monitoramento constante nas áreas afetadas, visando à interrupção do ciclo de transmissão do Trypanosoma cruzi.

Palavras-chave : Doença de Chagas; Vetores; Triatominae.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )